sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Passarinhada no Parque Central

Passarinhada no Parque Central
( 05/09/2016)


  A primeira espécie observada no dia foi o arapaçu de cerrado ( Lepidocolaptes angustirostris), que estava até que tranquilo neste dia, vasculhando as palmeiras jerivás em busca de grandes lagartas de mariposa, que se alimentam de suas folhas.


  O tiê preto ( Tachyphonus coronata) foi fotografado pela primeira vez no local, era um grupinho de aproximadamente uns 10 indivíduos, machos e fêmeas, que vasculhavam o estrato médio das arvores em busca de insetos e frutinhos. 


  O risadinha ( Campstotoma obsoletum) é uma espécie vista com certa facilidade no local, o canto da espécie parece uma gargalhada, como diz o seu nome, embora pequeno, costuma ficar nas áreas abertas do parque, vasculhando a copa de arbustos.


  O papa moscas cinzento ( Contopus cinereus) também teve o seu primeiro avistamento no local, apenas um único individuo, que ficava vocalizando na copa das arvores, enquanto fazia perseguições aéreas atrás de insetos.


  O dia estava frio e nublado, e a garça branca pequena ( Egretta thula) estava repousando, encorujada em cima do papiro, observando o movimento da água, mas sem esboçar reação com os peixinhos que passavam por lá.


  E para encerrar a passarinhada, a juriti pupu ( Leptotila verreauxi), que esta cada vez mais tranquila com a presença humana, permitindo grandes aproximações, seu sucesso reprodutivo no parque é grande, sendo que já foram contados mais de seis indivíduos em um único dia.










Nenhum comentário:

Postar um comentário