sexta-feira, 5 de janeiro de 2018

Caboclinho

Caboclinho
(Sporophila bouvreuil)


   O caboclinho (Sporophila bouvreuil) é um passeriforme granívoro de pequeno porte, de hábitos migratórios, costuma aparecer na região do estado de São Paulo entre os meses de Outubro a Fevereiro, vindo se alimentar das sementes de gramíneas nativas.
   O macho é cor castanha escura, com retrizes, reminges e "chapéu" de coloração negra, o ventre também é castanho, porém de uma tonalidade mais clara, o macho jovem demora mais de um ano para atingir a plumagem do adulo, a fêmea possui coloração semelhante porém sem as áreas negras que o macho possui, ambos os sexos possuem a mancha branca nas asas, notada principalmente durante o voo.
   Na época reprodutiva são extremamente territorialistas, onde o macho defende seu território agressivamente de outros rivais que se aproximem, e por este motivo, infelizmente é facilmente capturado por gaioleiros ilegais, que apreciam o seu canto que ao mesmo tempo que é belo acaba também sendo o motivo do seu confinamento por pessoas sem consciência ambiental.
    Costuma habitar brejos e banhados, onde se alimenta de uma vasta variedade de gramíneas silvestres e algumas exóticas, muitas espécies de caboclinhos estão ameaçadas de extinção e os dois fatores principais que estão levando a isso são a caça ilegal e a devastação de brejos e campinas naturais.



Nenhum comentário:

Postar um comentário